Arquitetura de informações – “PLANTE UMA ÁRVORE”

ico admin ico 13/09/2013

A Floricultura Ikebana Flores agradece imensamente o apoio e incentivo de todos que tornaram essa causa possível, a FUNDAÇÃO SOS MATAALTÂNTICA (por meio deguest post*), a REVISTA BICICLETA, O PROGRAMA TERRA DA GENTE DA REDE GLOBO DE SÃO PAULO, O INSTITUTO ESTRADA REAL, entre outros. Até agora, mais de 150 blogs e sites, estão contribuindo com essa causa e nos ajudando a conscientizar a sociedade sobre os problemas enfrentados por essa Serra devido ao monopólio da mineração. Nos textos encaminhados aos nossos apoiadores, blogueiros, reforçamos a necessidade de uma unidade de preservação local, o Parque Nacional na Serra do Gandarela, defendido também pelo MOVIMENTO ÁGUAS DO GANDARELA e analisado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Desde o início da campanha, iniciada em novembro de 2012, estamos sendo amparados pela Floricultura Floreira – Paisagismo e Meio Ambiente, que atua de forma direta na preservação da natureza, disseminando mudas e reciclagem. Além disso, a Floricultura Floreira nos mantém informados sobre as árvores endêmicas da Serra do Gandarela e nos fornece mudas nativas para plantarmos na região em nome dos blogueiros e sites que nos apoiam.


Agradecemos alguns voluntários que se prontificaram a plantar conosco em outubro,
Luis Gaspar e Lucas Moreira do site Mountain Bike BH. E também, aos especialistas que nos prestaram várias informações e ampliaram a nossos conhecimentos e ações, Geólogos, Biólogos, e o estudante de Geografia da UFMG, Luciano Lima.

 

A próxima ação da campanha “PLANTE UMA ÁRVORE” será realizado em outubro de 2013, em áreas devastadas do “Pé da Serra do Gandarela”, em Rio Acima – MG, com uma técnica de plantio a base de hidrogel, uma espécie de polímero de elevada qualidade e pureza, concentrando de 200 a 400 vezes seu peso em água e aumentando cerca de 100 vezes o seu tamanho.  Com diversos granulometrias, o hidrogel libera água mediante o tamanho do grânulo e conforme o tipo de planta, solo, cultura, clima e características da água, além de reduzir a evaporação da água do solo e a perda de água e nutrientes por lixiviação, e diminuir a constância de irrigação em até 50% e favorecer o crescimento das plantas.

Contudo, em nossa próxima postagem apresentaremos as fotos e os vídeos do plantio que será realizado, e citaremos os nomes de todos os blogueiros e sites que nos auxiliaram.

 

Por* Thaís Alessandra do Coletivo Cirandar.

 

 

 

 

Deixe um comentário