Como aumentar a durabilidade das flores: confira 7 dicas

ico admin ico 14/05/2021

durabilidade das flores

Aumentar a durabilidade das flores naturais não tem nenhum mistério. Se você recebeu um buquê no Dia das Mães ou em outra ocasião especial, não precisa descartá-lo logo em seguida.

Saiba que alguns cuidados simples podem prolongar a durabilidade desses presentes da natureza. E assim, conseguimos manter os buquês coloridos, bonitos e perfumados por vários dias. 

Você gostaria que o presente ficasse bonito e vistoso durasse mais tempo? Nós somos apaixonados por flores e entendemos seu desejo. Por isso, listamos 7 dicas para aumentar a durabilidade das suas flores, independente da estação.

Conheça também algumas espécies recomendadas para cultivar em casa por serem mais resistentes e apresentarem maior durabilidade.

Quais são as espécies com maior durabilidade e resistência?

Ter flores ou plantas em casa melhoram o astral dos ambientes. Porém, nem sempre temos tempo e disponibilidade para cuidar delas, não é mesmo? Se você não dispensa uns vasinhos espalhados pela casa, nossa sugestão são as suculentas.

suculentas

Essas espécies têm maior durabilidade, são mais resistentes e não exigem muitos cuidados, nem regas frequentes. Além disso, são plantas que vão dar um charme na decoração e garantir aquele verdinho que tanto adoramos. 

Se preferir flores, invista nas orquídeas, principalmente se houver espaço para colocá-las na terra. Essas plantas são fáceis de cuidar e se adaptam bem em qualquer ambiente. Assim como a espada-de-são-jorge, indicada também para os espaços internos. Porém, se você tem pets em casa, tome cuidado. Essa espécie pode ser tóxica para os animais

Para os ambientes externos as opções são begônias, cactos e heras, plantadas em vasos e dispostas nos pátios, varandas ou sacadas. São plantas resistentes e tem grande durabilidade. 

7 dicas para aumentar a durabilidade das flores

Alguns cuidados básicos ajudam a manter as flores vivas, coloridas e perfumadas por mais tempo. Confira as dicas que preparamos para você.

flores em vaso

1. Coloque as flores em um vaso

Quando recebemos flores, a tentação de manter o buquê ornamentado exatamente como ele chegou é grande. Porém, se você deseja que o presente dure mais, a primeira recomendação é retirar plásticos, fitas e outros adereços. 

A explicação é que esses materiais atrapalham a respiração das plantas e ressecam flores e folhas. Por isso, providencie um vaso com água para colocar seu buquê, de preferência em um tamanho apropriado que comporte o ramalhete. Se for possível e você tiver um jardim, pode plantá-las diretamente na terra. 

2. Não exagerar na água ajuda na conservação

vaso com água

Ao contrário do que muita gente pensa, não é preciso encharcar as flores em água para que elas sobrevivam em um vaso. Evite encher o recipiente, pois água em excesso pode apodrecer os caules e as partes submersas. Sem contar que a proliferação de microrganismos aumenta consideravelmente. 

O ideal é colocar água em quantidade suficiente para que as flores se mantenham saudáveis. Em geral, dois dedos d’água bastam, não mais do que isso. 

3. Troque a água a cada dois dias

Se água em excesso é prejudicial, parada é pior ainda. Manter o líquido no vaso por mais de dois dias faz com que fungos e bactérias se multipliquem. Além disso, a água fica suja por resíduos das próprias plantas. O ideal é trocá-la a cada dois dias. 

4. Manter o vaso em local arejado aumenta a longevidade das flores

Escolha um lugar arejado para colocar seu vaso de flores. Evite deixá-las em ambientes abafados. Locais sem ventilação aceleram a vaporização da água consumida pela planta. Elas respiram menos, as ações orgânicas diminuem e elas acabam morrendo. 

5. Luz solar direta, nem pensar

Na escola aprendemos que as plantas precisam do sol para se desenvolverem. No entanto, no caso das flores de um buquê, o melhor é evitar exposição direta. A luz do sol incidente pode queimar as folhas e ressecar as pétalas. 

5. Corte as hastes na diagonal

corte os caules

Para que as flores continuem viçosas e bonitas, corte cerca de meio centímetro do caule, na diagonal, a cada dois dias. Faça isso dentro d’água para que as hastes não entrem em contato com o ar (use uma bacia ou sob a torneira).

Com os cortes a planta absorve melhor a água e se mantém hidratada por mais tempo. Durante o corte, retire as folhas do caule, pois elas apodrecem em contato com a água. 

6. Descarte as flores murchas

Durante o processo de ressecamento as flores liberam gás etileno, o mesmo expelido por algumas frutas como abacate, maçã e banana. Essa substância é prejudicial para as plantas. Por isso, retire as flores murchas do ramalhete e afaste as saudáveis de frutas ou fruteiras. 

flores secas

7. Aposte em soluções caseiras para aumentar a durabilidade

Para dar um up nas suas flores, use aditivos encontrados em casa mesmo. O açúcar é um exemplo. Ele pode ser misturado na água, desde que em pequenas quantidades. Algumas soluções caseiras prolongam a vida das flores. Confira uma receita fácil de fazer:

  • 1 litro de água limpa;
  • Suco de meio limão;
  • 2 colheres de chá de açúcar cristal;
  • 2 colheres de chá de vinagre branco. 

Misture bem e coloque no vaso de flores. A cada troca, repita a operação. 

Com esses cuidados, será possível aumentar a durabilidade das suas flores e você poderá manter sua casa alegre e perfumada. Afinal, um buquê presenteado com tanto carinho merece ficar mais tempo colorindo nossos dias, concorda?

Por Ana Bittencourt (MTb 14.265)

Os comentários estão fechados.