Flores de árvores: quais são as mais bonitas do Brasil?

ico admin ico 16/09/2018

 

Com uma beleza natural única, as flores de árvores tornam qualquer ambiente mais vivo e alegre. Mas o seu papel mais importante tem relação com o equilíbrio térmico do planeta e é por isso que devemos cultivá-las.

No Brasil, um país com um ótimo clima para plantio, destacam-se algumas árvores que, quando florescem, criam um cenário deslumbrante. Elas também reduzem a poluição sonora e do ar, refrescam, oferecem sombra e ainda colaboram com a alimentação e procriação das aves.

E você acha que os benefícios dessas plantas param por aí? As árvores, com flores ou não, ajudam na produção de oxigênio, servem de proteção contra ventos e muito mais. Que tal conhecer as mais lindas que temos por aí?

 

Quais os tipos de flores de árvores mais belas?

Ipê amarelo

 

As flores de árvores mais famosas, com certeza, vêm do Ipê. Apesar da cor mais comum ser a amarela, você também encontra flores brancas, roxas e rosas. Por serem árvores de grande porte e com raízes profundas, são resistentes, não precisam de muito cuidado e não estragam calçadas e asfaltos. No entanto, por atingirem até 35 metros de altura, é bom tomar cuidado com a fiação elétrica das ruas.

 

Magnólia

 

A Magnólia é uma das flores de árvores mais lindas do Brasil. Um pouco semelhante à flor do Ipê rosa, essa espécie tem um diferencial, que é o perfume inconfundível e o porte pequeno. Como alcança entre 5 e 10 metros de altura, é recomendada para arborização urbana, já que não compromete os fios dos postes.

 

Flamboyant

 

Apesar de não ser uma árvore nativa — sua origem é em Madagascar, na África —, a Flamboyant, também conhecida como flor-do-paraíso ou árvore-flamejante, é uma das espécies mais lindas do mundo. O motivo são suas flores de cor intensa avermelhada, além da copa grande e frondosa.

As flores dessa árvore valorizam muito áreas amplas. Por ser uma planta tropical, aguenta sol pleno e também salinidade no solo, podendo ser, inclusive, cultivada em litorais. Apesar de não gostar do frio, é uma espécie resistente à estiagem.

 

Quaresmeira

 

Essa é uma árvore nativa e a conhecemos como Quaresmeira pelo fato de ela florescer no período da Quaresma — os quarenta dias após a Quarta-feira de Cinzas, em que os cristãos fazem penitência em preparação para a Páscoa — de acordo com as pessoas mais velhas.

Mesmo que seu porte seja pequeno, as raízes da árvore são profundas e ela floresce, na verdade, duas vezes por ano, com uma coloração roxa muito viva e bonita. Por esse motivo, a Quaresmeira é uma das árvores mais presentes em arborização urbana em nosso país.

 

Como plantar na calçada de casa?

 

Muito se falou sobre arborização e plantio na calçada, mas você sabia que, para ter árvores no perímetro urbano, é necessário seguir uma legislação específica? Se você quer plantar uma das espécies que citamos acima — ou qualquer outra — é preciso conferir as leis municipais e respeitar alguns parâmetros.

Isso é importante para evitar problemas como tubulações estouradas, calçadas levantadas, queda de galhos, incidentes na rede elétrica, sujeira e outras situações desagradáveis.

O mesmo vale para a poda ou o corte da árvore: só é permitido com autorização da prefeitura e também da companhia elétrica da sua cidade. Fora disso, é uma prática considerada crime ambiental. Para não ser necessário passar por essa situação, o ideal é escolher espécies indicadas para calçadas, como as seguintes, além das que já citamos anteriormente:

  • Noivinha;
  • Jacarandá Mimoso;
  • Extremosa ou Resedá;
  • Manacá da Serra;
  • Pata-de-vaca;
  • Dama-da-noite;
  • Cerejeira.

Caso queria saber mais sobre o assunto, sugerimos a leitura do manual produzido pela Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária). No mais, vale se atentar para escolher árvores que:

  • não possuam raízes superficiais ou agressivas;
  • não tenham frutos ou flores grandes;
  • não tenham espinhos;
  • não sejam tóxicas;
  • não sejam de grande porte, com mais de 20 metros de altura;
  • não tenham madeira frágil, suscetível à quebra ou ataque de cupins;
  • não sejam invasoras.

E aí, gostou de conhecer as flores de árvores mais lindas que existem aqui no Brasil e de aprender como cultivá-las na sua calçada? Você tem alguma preferência de espécie? Conte para nós aqui nos comentários!

 

Deixe um comentário